IPVA Alagoas 2017 Detran Sefaz

IPVA Alagoas 2017 Detran SefazIPVA Alagoas 2017 Detran: Os contribuintes poderão conferir abaixo todas as informações do IPVA Alagoas 2017 – Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores.

IPVA tem competência dos Estados e do Distrito Federal e incide sobre a propriedade de veículo automotor, seja aéreo, terrestre, aquático ou anfíbio.

No Estado de Alagoas a SEFAZ AL – Secretaria de Fazenda e DETRAN AL – Departamento Estadual de Trânsito são os responsáveis pela arrecadação e licenciamento, além da divulgação das informações, que ocorre sempre nos últimos meses do ano.

O IPVA Alagoas 2017, que será cobrado a partir dos primeiros meses do ano, é calculado tomando como base os valores dos veículos e as alíquotas estabelecidas pela legislação estadual, que por sua vez determina as alíquotas conforme a potência dos veículos.

Os valores utilizados para o cálculo do valor devido do imposto são aqueles constantes na Tabela FIPE. Já as alíquotas são:

  • 2% para motocicletas de 150 cilindradas e para os veículos que funcionem através da eletricidade.
  • 3% para motocicletas de cilindrada de 150 até 400 e automóveis com até 80 cavalos.
  • 3,5% para automóveis com potência de 81 a 160 cavalos.
  • 4% para motocicletas acima de 400 cilindradas e automóveis com potência acima de 160 cavalos.
  • 1% para ônibus, micro-ônibus, caminhão, cavalo mecânico, aeronave e embarcação.

Veja também: Como pagar o IPVA atrasado.

Pagamento e Descontos IPVA Alagoas 2017:

O pagamento do IPVA Alagoas 2017 poderá ser feito em cota única ou em até seis parcelas mensais e sucessivas, sendo concedido o desconto de 10% sobre o valor do imposto em caso de pagamento em cota única até o vencimento da primeira parcela.

Lembrando que os vencimentos se dão de acordo com o número final da placa, vencimentos estes que podem ser consultados no site da SEFAZ, no endereço http://sefaz.al.gov.br/.

Quem estiver em débito com o IPVA de exercícios anteriores só poderá pagar o IPVA 2017 de Alagoas em parcela única.

O imposto, quando não pago no prazo de seu vencimento, ficará sujeito ao acréscimo de multa e juros.

O imposto arrecadado será repartido da seguinte forma:

  • 50 % para o Estado de Alagoas.
  • 50% para o município onde o veículo for licenciado.